Nosso Produto | Loja Online Hackamore

Conhecendo o Couro

Couro: o couro é a pele curtida de animais, utilizado como material nobre para a confecção de diversos artefatos, tais como: sapatos, cintos, carteiras e bolas de determinados esportes como basquete, entre outros.


Curtimento: É o processo que visa transformar a pele animal, em um material estável, durável, resistente ao ataque de microorganismos e enzimas. O curtimento aumenta a estabilidade hidrotérmica das peles que adquirem lisura de flor, enchimento, elasticidade, resistência ao rasgo e resistência à ruptura da flor.
Só após o curtimento, a pele recebe o nome de couro.
Apenas as peles de animais pequenos, curtidas como pele ou lã (ovelhas, cabras, etc.) ou as exóticas (peixes, rã, galinha, cobra, etc.) são ainda chamadas de pele, mesmo depois de curtidas.


Camada inferior ou carnal: Depois de curtida transforma-se em couro classificado como CHAMOIS, aplicado na confecção de vestuário, limpeza de equipamento óptico e na fabricação de luvas, sendo ainda empregada para filtros de gasolina.


Camada Flor: A camada flor pode ser levada a uma diversidade infinita de curtentes e proporcionam couros finíssimos, principalmente os curtidos brancos. São empregados em vestuários, bolsas, sapatos e encadernações.


Camurça: O couro permanece com a flor. Porém, no acabamento, objetiva-se o carnal do couro.


Chamois: Quando se utiliza o carnal ou parte inferior da divisão do couro ou através de efeito (retirada da flor com lixadeira) ganha a denominação de chamois.


Napa: Uso desse couro pela parte superior (flor integral), é denomidado como napa.


1 1

Como reconhecer um couro de alta qualidade

Supondo que exista uma escala de qualidade do couro de 1 (melhor) a 10 (pior), percebemos que de 1 a 4 a maior parte do couro nacional é direcionada para mercados externos, como Itália e países europeus. A Hackamore usa por padrão couros do tipo 4 e 5.
Em todos os tipos de couro é o acabamento após ser curtido que define a qualidade. Couro bom é aquele que passa por menos processos químicos, são naturalmente belos.
Depois de pronto é a percepção do todo, do conjunto, design e estilo, que despartam o desejo.

1

Couro é igual a comida. Tem receita única para curtir. O mesmo prato (Oswald aranha, por exemplo) é servido em vários restaurantes, mas é diferente em cada um. A carne pode ser melhor em um, o moulho no outro, o acompanhamento em outro. Sendo que a percepção de melhor prato será de fato guiada pela experiência completa do cliente. Na Itália estarão os melhores cozinheiros de couro, e eles usam o couro 1.
O couro pode ser comprado pronto ou manda fazer (couro salgado). A compra é feita no tato, no olho, de acordo com as amostras e certos padrões de qualidade.
Prejudicam o couro: carrapato, marcas de cerca, arranhão, furo, vaca de leite é abatida velha e o couro é fino e machucado.



Nossos acabamentos
- 1 costura; dobra na mão; cola pincelada; solado michelan;
- 2 pedra, metais;
- 3 A opção de fazermos nossos calçados em ateliê, costurados à mão, se expressa nos mínimos detalhes do acabamento impecável, garantindo sapatos chiques, elegantes e confortáveis.




Nossos Couros

Carneiro: Couro de origem ovina, tal como o de ovelha e borrego.
A procedência do chamois legitima é o carneiro. É um couro macio, altamente elástico e tem capacidade de absorver e eliminar facilmente grandes quantidades de água. No processo produtivo pode ser submetida à operação de divisão, resultando dai em dois tipos de peles:


Vacum + Variações: Quando o couro for de origem bovina.
A pele bovina-face ao tamanho e espessura - é dividido em duas partes: Flor e Carnal que servem para obtenção de couros utilizados na confecção de calçados, bolsas, vestuário e estofamentos.


1

Tipos de couros bovinos
Nubuck: Material o qual a flor é lixada de maneira a se obter um toque aveludado, não pode ser engraxada e requer cuidados especiais na sua manutenção. Usado em cabedal de calçados, estofamento e no vestuário.


Camurça: Normalmente um subproduto, do couro, pois é sua camada inferior. Era utilizada para confecção de luvas, vestimentas e outros produtos de menor valor agregado; com o avanço nos processos de curtimento passou a ser utilizada em larga escala em cabedais de calçados.


Box: Couro lixado, com forte pigmentação, de aparência bastante polida, fácil manutenção, porém bastante duro. Era usado em calçados clássicos ou colegial, e em artefados e de passeio atualmente.


1

Metalizados: Couro acabado com aparência metálica, da qual é obtida com o uso de pastas pigmentadas metalizadas e pela transferência de folhas microporosas.


Atanado ou vegetal: Tipo de curtimento com extratos vegetais. Este couro absorve bem água e vapor, é permeável ao suor, pouco elástico e limitada solidez à luz. Usado em solas, sandálias, calçados, estofados e artefatos.


Pull-Up: Acabamento que usa produtos especiais que alteram a tonalidade do couro quando sujeito à dobra.


Sola: Couro curtido ao tanino, muito espesso. É usado em solas de qualidade. Pouco elástico, impermeável à umidade, e tem boa absorção de suor.


Couro com pêlo: Couro bovino em que é mantida intacta a camada epidérmica (de pêlos).


Verniz: O acabamento é um filme com alto brilho, incolor ou pigmentado, liso ou com estampa. É usado em calçados e artefatos.


Polido: Couro liso de aspecto natural e lustrado obtido, principalmente, pelo acabamento da base protéica. Usado em calçados, botas e bolsas de alta qualidade.


Anilina: Acabamento realizado em couros com poucos defeitos, caracterizado pela ausência de pigmentos de cobertura. O acabamento transparente permite visualizar o aspecto natural da flor.


Vegetale: Um couro nobre, peles pequenas, toque macio, isto o torna um produto com características naturais.



Tipos de couros exóticos

Exóticos: Quando o couro for obtido de pele de peixes, crocodilos, pés de galinhas, rãs, cobras, coelhos e outros pequenos animais.

Por serem muito pequenos, estes couros em geral são usados para confecção de acessórios como pulseira de relógio, detalhes de sapatos, bolsas, jóias e ultimamente largamente empregado no vestuário.


1 1 1